Toninho soluciona desapropriação do Distrito Industrial

Desapropriação do Distrito Industrial foi concluída após 10 anos de entrave jurídico.
Decisão judicial determinou pagamento de R$ 197 mil para família que era antiga proprietária da área. 
A desapropriação ocorreu em 2002, contudo, antigos proprietários não acataram o valor do metro quadrado da área. Foram pagos R$ 70 mil por dois alqueires de terra. “A família, então, solicitou uma nova avaliação através de ação judicial. Este embate jurídico se arrastou por 10 anos e agora foi solucionado de forma plena”, salientou o prefeito municipal Toninho Moris. 
Serão pagos R$ 32 mil de honorários advocatícios e R$ 5 mil de custas processuais. “A administração municipal irá saldar este débito com ajuda dos proprietários das empresas instaladas na área do distrito industrial”, informou. 
Desde a criação do distrito, município doou 12 lotes. “Os industriais que colaborarem com a quitação deste débito receberão a escritura definitiva”, observou o prefeito. Escritura definitiva permitirá obter novos financiamentos, além de ampliações das estruturas. “A solução deste problema é mais uma prova da responsabilidade de nossa gestão”, disse.
www.orientesp.com.br
“Aqui você se Orienta”
Por: Jornal Tribuna Regional