Urnas revelam eleitores orientenses mais comprometidos com conquistas locais

Deputados que visitaram a cidade e destinaram emendas foram os mais votados

Dos quase mil e novecentos candidatos ao cargo de deputado estadual, mais da metade (52,3%) dos eleitores orientenses depositaram seus votos no candidato Barros Munhoz. Entre os mais de mil e trezentos (1.318) candidatos ao cargo de deputado federal, mais de mil e quinhentos (40,2%) ajudaram a reeleger o deputado Walter Ihoshi. Estes são os votos mais expressivos já registrados na cidade e, segundo o cientista político Luiz Lakf, refletem o aumento da politização da cidade uma vez que os candidatos massivamente votados foram os mesmos que mais visitaram a cidade e que ajudaram a trazer recursos para o município.

“Antigamente o povo votava em quem via na tv ou outro veículo midiático, hoje em dia as pessoas querem, cada vez mais, acompanhar o trabalho do político e o quanto isso reflete no cotidiano da cidade. As pessoas que possuem os votos mais conscientes querem votar em quem realmente as representam”, afirma Luiz Lakf.

Para o prefeito Dado, que apoiou ambos os candidatos mais bem votados na cidade, esta é uma maneira do povo reconhecer que o trabalho do prefeito é feito juntamente com os parlamentares “Gostaria de agradecer, com muito respeito e carinho, a toda população de Oriente pela grande e expressiva votação depositada nos nossos candidatos que realmente trabalham por Oriente, na eleição de domingo, dia 7 de outubro. Vamos continuar trabalhando ainda mais por nossa cidade. Obrigado a todos que acreditam no desenvolvimento de nossa cidade. Muito Obrigado pelo apoio e confiança”, afirmou o prefeito em uma rede social.

Outros deputados que ajudaram Oriente em mandatos anteriores também tiveram votações, à exemplo do deputado federal Arlindo Chinaglia, reeleito como 32º deputado federal mais bem votado, e que visitou a cidade em sua campanha de nível nacional obtendo 91 votos. Assim como ele está o também eleito deputado Alex Manente que somou 28 votos em Oriente e foi o 23º deputado federal mais bem votado.

As votações para o executivo do Estado também foram altamente expressivas. Muito acima da média estadual, o governador Geraldo Alckmin somou em Oriente dois mil seiscentos e cinquenta e um votos (71%) sendo considerada a maior porcentagem da região e uma das maiores do estado.

Se dependesse exclusivamente de Oriente, não haveria segundo turno nem para governador, nem para presidente uma vez que o candidato Aécio Neves somou 53% dos votos válidos, Dilma Rousseff 26%, Marina Silva 18% e Luciana Genro 1%.

Para senador a eleição hegemônica de José Serra se refletiu também em Oriente. O candidato tucano obteve 2.385 votos (68.93%), muito à frente de Eduardo Suplicy que somou 725 votos (20,95%).

O aplicativo de acompanhamento de resultados de eleições fornecido livremente pela própria Justiça Eleitoral serviu como base de dados do Jornal Tribuna, sendo assim, os votos de alguns candidatos não foram computados por carecerem de decisão judicial. De contrapartida, alguns deputados tiveram votos em nossa cidade e não foram eleitos, à exemplo do candidato à deputado Marcelinho Carioca (40 votos) e do candidato à deputado federal Dr. Nechar que obteve 499 votos em Oriente mas ficou em 106º lugar na soma de votos do estado, longe das 70 cadeiras à serem ocupadas na Câmara.

Segundo dados da Justiça Eleitoral, 5.079 votos foram apurados. A abstenção registrada foi de 16%. Destes votos, 176 orientenses votaram em branco e 181 votaram nulo.

Segundo o sargento Edmilson, da Polícia Militar de Oriente, não foi registrado nenhuma ocorrência no dia de eleição “a eleição transcorreu sem novidades”, afirmou o sargento.

 

FEDERAL ESTADUAL Dado e os candidatos mais eleitos (3) Dado e os candidatos mais eleitos (2) Dado e os candidatos mais eleitos (1)

 

Deixe uma resposta