Festival Gastronômico tem mais de 70 cidades participantes e se torna modelo para o Brasil

A estudante paulistana Paola B. Gaspar, de 19 anos, foi a vencedora do concurso cultural do Festival Gastronômico de Marília, edição 2015. Ela passou o fim de semana visitando os familiares na cidade e participou do evento. Sua frase “Liberdade sauté, sorrisos gratinados, amor ao forno, felicidade na manteiga e paz de sobremesa” foi escolhida pela comissão julgadora do Festival.

Promovido pelo Marília e Região Convention & Visitors Bureau, o encerramento do festival ocorreu nesta terça-feira (22), em solenidade ocorrida no Hotel Dmax. Foram quase 3 mil pratos comercializados (crescimento de 20% em relação ao ano passado), além de beneficiar mais duas entidades marilienses. Participaram do evento os proprietários dos restaurantes, das entidades beneficiadas, alguns dos contemplados com os prêmios, além do vice-prefeito Sérgio Lopes Sobrinho, e o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Cássio Luiz Pinto Jr.

 

Sem caráter competitivo e com objetivo de resgatar e preservar a história de Marília, a terceira edição do Festival Gastronômico teve a participação de 19 restaurantes e foi realizado no período de 17 de julho a 30 de agosto. Todas as empresas praticaram o mesmo preço e os consumidores que visitaram e experimentarem os pratos individuais preparados especialmente para o festival ainda concorram a prêmios.

 

De acordo com o Gerente Executivo do Convention, Gilberto Rossi Jr, foram comercializados 2.972 pratos de clientes de 72 cidades e oito Estados. Ele destacou o grande número de pessoas de outras cidades (19% do total), entre aquelas localizadas até 100 km e outras acima dessa distância.

 

CONCURSO CULTURAL

 

Cada cliente, após saborear o prato especial oferecido pelo restaurante, era convidado a escrever uma frase sob o tema “Viagem gostosa tem sabor de…”. Foram cerca de 1.500 participantes e, após uma seleção prévia, as 20 mais criativas foram analisadas por uma comissão julgadora.

 

Do décimo ao quarto colocados, os escolhidos ganharam um prato de cerâmica confeccionado exclusivamente para o Festival. Os contemplados foram: Laura Cantissano de Deus Fila (Chaplin); Flávia Rifam Ambrózio (Bella Cucina); Laís Bazzo Nogueira Soares (Savoy); Maria Fernanda Gomes Fernandes Nardi (Sun Valley); Rodrigo Maia de Oliveira (Café do Lado); Elízio Chiachio Ferraz Alves (Mamma Mia) e Maria Virgínia L.C. Andrade (Bella Cucina).

 

A terceira colocada foi a frase “vento no rosto, sabor na boca e sorriso no olhar”, escrita por Fábio Basagli (esteve no restaurante 515) e, como prêmio, ganhou um prato e um vinho. O segundo colocado foi Yuri Barnabé, com a frase “Memórias inesquecíveis com tempero e emoções maravilhosas” (esteve no restaurante Niha). Ele ganhou um faqueiro Tramontina.

 

A vencedora do concurso cultural foi a estudante paulistana Paola B. Gaspar, de 19 anos. Ela passou o fim de semana na casa de familiares, em Marília, e jantou no restaurante Cupim, onde saboreou o prato que participa do Festival e também preencheu a frase “Liberdade sauté, sorrisos gratinados, amor ao forno, felicidade na manteiga e paz de sobremesa”.

 

Ela conquistou o primeiro lugar e, como prêmio, uma viagem para as Serras Gaúchas, com direito a acompanhante. Como mora na capital paulista, não teve condições de vir pessoalmente. Mas, enviou um vídeo de agradecimento e também elogiando a realização do evento.

 

Participaram os seguintes restaurantes: 515 Pizza & Grill, Água Doce Cachaçaria, Bella Cucina, Buongiorno, Café do Lado, Cantina Mamma Mia, Chaplin, Cupim, Doctor Beer, Fuego Asteca, Le Marche, Muralha, Niha, Osteria Casa Toscana, Restaurante Oriental, Restaurante Sun Valley, Sakurá, Sushiya e Savoy.

 

ENTIDADES BENEFICIADAS

 

A exemplo das edições anteriores, o Festival Gastronômico também beneficiou duas entidades assistenciais: AMEI (Associação Mariliense de Esporte Inclusivos) e também a Associação Amor de Mãe, ou seja, parte do valor da venda dos pratos é destinada ao lado social. Desta vez, foram arrecadados R$ 11.888,00. Dessa forma, cada entidade recebeu um cheque no valor de R$ 5.944,00.

 

Na solenidade de encerramento do festival, os representantes das entidades destacaram o trabalho realizado pelo Marília e Região Convention & Visitors Bureau. A presidente da AMEI, Celso Parolise Filho, foi categórico: “sem vocês, o que seriam de nós, entidades”. Já a presidente da Associação Amor de Mãe, Tammy Regina Gripa acrescentou que o valor ajudará a custear o décimo-terceiro dos funcionários.

Deixe uma resposta