DIA 18 DE MAIO: Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

A Secretaria Municipal da Saúde de Marília promoveu no último sábado (dia 14) no auditório do Alves Hotel, o “Curso de Metodologias de Educação Sexual como Prevenção de Violência Sexual” para profissionais da área. O evento contou com a palestra da profª Caroline Arcari – pedagoga e especialista em Educação Sexual e escritora do livro “Pipo e Fifi”.

Estiveram envolvidos no curso de capacitação: médicos, dentistas, enfermeiros, fisioterapeutas, assistentes sociais, psicólogos e agentes comunitários de saúde, entre outros profissionais que integram a rede municipal e seus parceiros, como os prontos-socorros, organizações não governamentais, Unimar (Universidade de Marília) e Ministério Público – que acolhem crianças e adolescentes em situação de risco.

Neste evento, a Secretaria Municipal da Saúde fez também a abertura da “Semana de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes”. “Considerando a importância da educação para a sexualidade, bem como a prevenção e detecção da violência sexual infanto-juvenil, a nossa secretaria municipal proporciona a todos esta oportunidade de dialogar sobre assuntos tão velados entre a sociedade, visando garantir os direitos das crianças e adolescentes”, comenta Fernanda Bigio Cavalhieri, enfermeira responsável pelo programa Saúde da Criança no município de Marília.

O curso abordou temas como detecção do abuso sexual; conceitos básicos de violência sexual; e os procedimentos de denúncia e encaminhamentos, visto que o município possui um fluxo de acolhimento e direcionamento instituído no programa contra o abuso sexual e outras formas de violência infantil.

“Acreditamos que eventos como este proporciona possibilidade dos profissionais aprimorarem seus conhecimentos e troca de saberes com outros especialistas sobre a Violência Sexual e o Fluxo dos casos no município, para que as crianças submetidas às situações de violência em Marília possam ter um atendimento efetivo e resolutivo, prevenindo ocorrências futuras”, finalizou Fernanda Cavalhieri.

 

Deixe uma resposta